[email protected] uxxZud)RfL@T2!DAOQGuN)er
Categorias

Blog: Como construir um futuro mais inovador e disruptivo

O futuro dos negócios é uma preocupação real de muitas empresas que querem ter longevidade e estar preparadas para imprevistos, já que elas desejam se organizar para tudo e controlar as mudanças que ocorrem naturalmente na vida e no mundo comercial.

Antes de mais nada, as empresas precisam ser mais future eager, entendendo que se preparar para o futuro também é estar em contato com o caos, as incertezas e as mudanças, tendo em visto que o sucesso é alcançado através de movimentos e etapas de experiências. Essa jornada é feita nas ações de quem sabe conviver com o caos e crescer com ele. 

Leia aqui como o caos é uma força positiva que pode aliar no futuro dos negócios das organizações. Aproveite o conteúdo e aprenda mais sobre esse tema.

Fonte: Freepik (https://br.freepik.com/vetores-gratis/os-lideres-de-negocios-resolvem-problemas-e-lideram-a-organizacao-para-superar-os-obstaculos-de-negocios-para-atingir-as-metas-de-negocios-planejadas_29175410.htm#query=chaos&position=10&from_view=search&track=sph)

O impacto do caos no mundo moderno

A disrupção é uma quebra repentina e absoluta, gerando um movimento ou consequência que não estavam previstas. 

Por isso, comecei a pensar sobre os movimentos e reações das pessoas nesse tipo de situação. Essa análise determinou meu estudo e a organização das 8 etapas da disrupção.

Em resumo, é um processo de mudança e adaptação que recomeça depois de outra disrupção. Historicamente, nós conseguimos identificar que as primeiras gerações enfrentavam situações de caos absoluto. 

Assim, elas eram caçadoras que perceberam a necessidade de dominar aquela realidade para conseguir resolver problemas. Por esse motivo, desenvolveram ferramentas e técnicas de sobrevivência.

Esse movimento inicial de resolver problemas é algo que aprendemos com nossos antepassados e que carregamos até hoje, seja qual for a nossa área de atuação ou posição dentro da companhia.

A relação entre inércia e caos

Nós convivemos diariamente com a ambivalência entre inércia e caos, numa relação que vai continuar acontecendo na vida e nos negócios de todos nós. Dessa maneira, é necessário ter coragem para se adaptar e se sobressair.

Por exemplo, no mundo dos negócios temos a presença da inércia, com o chamado diferencial competitivo. Antigamente, as pessoas não vivenciavam muitas rupturas ao longo da vida, uma vez que elas entravam no mercado de trabalho no início da vida adulta, estavam aposentados por volta dos 50 anos e morriam aos 65.

Nos dias atuais, essa perspectiva mudou e estamos vivendo intervalos cada vez menores de ruptura. O lado positivo é que nós somos grandes resolvedores de problemas e podemos ser pessoas que sabem superar obstáculos em qualquer situação.

Por isso, conseguimos nos adaptar às mudanças tecnológicas e sociais que ocorreram ao longo dos séculos. 

A humanidade desenvolveu ferramentas para auxiliar na resolução de problemas desde o período do Homo Sapiens até os foguetes e sistemas de inteligência artificial.

O caos é uma força motriz

Diferentemente do que é dito sobre o caos, ele não é uma ação negativa e o mal que atinge o planejamento das organizações. O caos é uma força motriz que motiva e estabelece novos caminhos para a vida e o futuro dos negócios. Além disso, não há como lutar contra ele, pois o caos atinge o mundo moderno hoje em todas as esferas, principalmente profissional. 

Em suma, essa força esteve presente durante a história da humanidade com a chegada de novas tecnologias e serviços, assim como durante a pandemia do novo coronavírus e a crise econômica mais recente que ainda enfrentamos.

Não importa qual seja o desafio, criamos ferramentas e enfrentamos situações que nos ensinam lições essenciais para lidarmos com a relação entre caos e inércia.

Podemos, assim, analisar esses eventos de quebra repentina e estabelecer 8 etapas de disrupção:

  1. Caos
  2. Domínio do caos
  3. Estabilização
  4. Inércia
  5. Forças emergentes
  6. Disrupção
  7. Disrupção de não-óbvios
  8. Conflitos

Essas fases são movimentos para o futuro dos negócios. Conseguir percorrer cada uma fortalece a organização e gera a energia necessária para ter experimentações. 

Sendo assim, aqueles que se sentem confortáveis em meio ao caos serão as pessoas que vão mudar o modelo de negócios, entendendo as dores e necessidades das pessoas, além de usar as melhores tecnologias do mercado.

Fonte: Freepik (https://br.freepik.com/vetores-gratis/os-lideres-de-negocios-lideram-a-organizacao-para-superar-os-obstaculos-do-negocio-para-o-sucesso-de-acordo-com-as-metas-de-negocios-planejadas_29175515.htm?query=chaos#from_view=detail_alsolike)

4 pontos essenciais para alcançar sucesso no futuro dos negócios

Ser um empreendedor é aprender a resolver problemas e evoluir com as experiências. Sendo assim, alguns pontos são indispensáveis para quem quer trilhar um caminho de destaque e aprendizado nos negócios:

  1. Permita-se errar
  2. Tenha experiências 
  3. Foque na dor
  4. Destrua o modelo

Permita-se errar

O primeiro ponto que devemos esclarecer é que o erro deve ser estimulado e que ele não é uma experiência negativa. 

Estar suscetível ao erro é também estar aberto à experimentações. Quem busca inovação estará enfrentando situações de tentativa-erro que são estímulos para o processo de aprendizagem. 

Tenha experiências

Estude um tema novo, aprenda a tocar um instrumento musical interessante, veja palestras sobre assuntos diversos e leia muito.

Como já disse em outras ocasiões, ter um momento de novas experiências que aparentemente não têm nada a ver com você vai aumentar seu repertório. Além disso, vai compor a sua caixa de ferramentas para descobrir soluções importantes para sua realidade.

Foque na dor

Observe quais são as soluções que você pode oferecer para as dores das pessoas. Como o seu negócio pode facilitar um problema? Depois de responder essa pergunta, ficará mais fácil entender como ser relevante no mercado. 

Concluindo então que as pessoas adquirem produtos com um objetivo maior, portanto, é essencial pensar sobre quais são as soluções que você pode oferecer ao mercado.

Destrua o modelo

Seguir o script do mercado é o caminho mais fácil para não encontrar inovação ou experiências. Esteja pronto para trazer mudanças que vão destruir o modelo de negócios atual. 

Dominar o segmento é o melhor caminho para estabelecer as novas regras para o futuro dos negócios.

Transformando o caos em aliado do futuro dos negócios

Pensando em todas as etapas da disrupção, é possível encontrar no caos um grande aliado dos negócios. A vivência dele pode transformar organizações e líderes em gestores que sabem determinar soluções.

Empresas que não souberam lidar com a ruptura e mudança de cenário foram eliminadas do jogo, como a Kodak. Sendo assim, as outras que entenderam que o caos pode ser um modelo de gestão se reinventaram, como, por exemplo, a Microsoft.

Ademais, apesar dos problemas e incertezas que ainda enfrentamos enquanto sociedade, é importante pensar que vivemos agora o melhor momento da humanidade

Estamos na época do desenvolvimento tecnológico, comunicação rápida, postura ágil e melhores recursos financeiros para todos.

Esse momento também transfere mais responsabilidade e visibilidade para as pautas e processos das empresas. 

Em conclusão, devemos usar esse período caótico para aceitar as experimentações e sermos aqueles que dão o primeiro passo em direção ao futuro dos negócios.

Minha palestra no PRODEX: Encontro Anual de Lideranças

Fui um dos palestrantes do PRODEX, o Programa de Desenvolvimento de Executivos da Algar, que realiza encontros anuais para traçar estratégias e repensar o amanhã.

Esse evento é um momento de reunião das lideranças para dialogar, gerar insights e reflexões fundamentais para o futuro dos negócios do grupo Algar.

Nessa conversa dinâmica, tive a oportunidade de mostrar um universo de futuros possíveis, prováveis e desejáveis para líderes e organizações. 

Partindo da ideia central de que o futuro é de quem sabe navegar no caos e se sente confortável nele, iniciamos um processo para transformar pessoas em gestores do caos.

O futuro dos negócios começa agora com todos os movimentos positivos que o caos pode oferecer.

Aproveite para seguir nossas redes sociais e acompanhe a cobertura que foi feita do 38º PRODEX 2023.

Instagram: @grupoalgar

Facebook: /GrupoAlgar

Linkedin: grupo Algar

Twitter: @GrupoAlgar

Por Luiz Candreva, Head de Inovação da Ayoo

Gostou?
Compartilhe!

Posts relacionados

Inscreva-se em
nossa Newsletter

Fique por dentro do nossos conteúdos!